As mudanças nas redes sociais: um desafio para todos

//As mudanças nas redes sociais: um desafio para todos

As mudanças nas redes sociais: um desafio para todos

Thais Vilar*

O ano de 2018 nem bem começou e nós, profissionais de comunicação e influenciadores digitais, recebemos uma enxurrada de notícias sobre as mudanças nas redes sociais. Para iniciar, Mark Zuckerberg anunciou, em seu perfil pessoal, que o Facebook terá mudanças no algoritmo, no qual irá priorizar mais as postagens de amigos e familiares e dará menos relevância aos conteúdos das fanpages. Um fator positivo para os usuários, pois não irão receber em seu feed de notícias tantas “propagandas”. Por outro lado, o comunicado não foi benéfico para as empresas, que agora têm um desafio ainda maior: identificar o que fazer para que o usuário consuma o seu conteúdo ou como fazer um post atrativo para que o público-alvo priorize a sua página.

Para animar ainda mais o profissional de mídias sociais e instagrammer, a maior plataforma de compartilhamento de fotos e líder em engajamento no mundo, o Instagram, trouxe grandes novidades que envolvem, por exemplo, a forma como os conteúdos serão exibidos na timeline, a porcentagem de usuários que um post irá impactar no primeiro momento, a utilização do stories como fator essencial para aumentar a audiência, o número de hashtags inseridas em uma publicação, entre outros. Ter uma publicação com um bom alcance será um novo desafio não só para as empresas, agências de comunicação, profissionais de marketing digital, como também para os usuários comuns que desejam compartilhar o seu dia a dia. A busca pela interação somada à criatividade será o elemento principal para o sucesso.

E para finalizar com chave de ouro, a principal plataforma de vídeo, o Youtube anunciou uma grande mudança nas políticas de pagamento por anúncios e monetização. A nova imposição de requisitos mínimos não teve uma recepção favorável entre os youtubers, pois dificultou o crescimento para os pequenos canais que desejavam receber verbas provindas da plataforma. Já os grandes canais irão contar com uma moderação humana que irá avaliar e verificar as postagens e o conteúdo para liberação e inserção de anúncios. Contudo, para as marcas anunciantes, verificar se querem sua propaganda em determinado vídeo resultou em uma transparência entre o Google e a empresa, que agora pode decidir se o conteúdo em que irá aparecer está de acordo com seu público-alvo ou com as políticas da empresa.

As mudanças no algoritmo do Facebook e Instagram, além da regras atuais do Youtube, trouxeram novos desafios para todos nós. Buscar o diferencial com conteúdos criativos e inovadores é o principal caminho para vencê-los em um ambiente tão mutável.

*Analista de mídias sociais da Contextual Comunicação

By | 2018-02-02T11:19:18+00:00 fevereiro 1st, 2018|Blog|0 Comments

Leave A Comment